Eliminatória resolvida em três minutos

O Futebol Clube de Famalicão qualificou-se para os oitavos de final da Taça de Portugal após vencer, por 1-2, o Futebol Clube de Alverca. Depois de ter ido a perder para o intervalo, a equipa orientada operou a reviravolta em apenas três minutos e garantiu a passagem à próxima eliminatória da prova rainha.

A atuar perante uma equipa da Liga 3, o conjunto famalicense não pretendeu ser surpreendido e entrou apostado em chegar à vantagem. No entanto, as intenções saíram frustradas, já que Ricardo Rodrigues inaugurou o marcador para a turma da casa à entrada do derradeiro quarto de hora da primeira metade.

O Futebol Clube de Famalicão entrou determinado na etapa complementar e Iván Jaime deixou o primeiro aviso com um remate ao poste. A cambalhota seria dada num espaço de tês minutos e por uma dupla que já tinha feito estragos no último jogo, frente ao Boavista Futebol Clube.

Primeiro foi Pedro Brazão a revelar fantástica serenidade quando se isolou perante o guarda-redes adversário e fez o empate. Três minutos depois Simon Banza foi carregado na grande área e encarregou-se de fazer o segundo golo na recarga ao pontapé de penálti, garantindo, desta forma, o bilhete para a próxima ronda da Taça de Portugal.

FC Alverca – José Costa, Jorge Bernardo (Tailson 89′), Ronaldo Rodrigues, João Sousa, Tiago Gomes, Eurico Lima (Rafa Castanheira 89′), Klismahn, Felipe Ryan, Jefferson Nem, Diogo Ribeiro (Jonata Bastos 67′) e Ricardo Rodrigues (Emerson Carioca 78′)

FC Famalicão – Luiz Júnior, Diogo Figueiras, Alexandre Penetra, Alex Nascimento, Adrián Marín, Charles Pickel, Pêpê (De La Fuente 90+2′), Pedro Brazão (David Tavares 80′), Iván Jaime (Bruno Rodrigues 80′), Simon Banza (Marcos Paulo 90+10′) e Heriberto (Ivo Rodrigues 45′)

Golos: Ricardo Rodrigues (31′); Pedro Brazão (69′) e Simon Banza (72′)

Cartões Amarelos: Diogo Figueiras (45+5′); Jorge Bernardo (54′); Adrián Marín (75′); Pedro Brazão (80′); Ricardo Rodrigues (90+8′)

 

Main Sponsor
Premium Sponsor