Resultado indesejado em viagem longa

A Liga NOS regressou este fim de semana com a disputa da 12.ª jornada, que reservou uma deslocação ao Algarve, para defrontar o Portimonense Sporting Clube. A equipa da casa venceu a partida por 2-1, fruto de dois golos em cada uma das partes.

A atuar num relvado em ótimas condições, as duas equipas evidenciaram muita vontade em praticar bom futebol. O Portimonense SC retirou dividendos pouco depois da meia hora, através do golo de Dener.

O FC Famalicão respondeu a grande nível na segunda parte e a baliza de Ricardo Ferreira esteve sob ameaça por mais do que uma ocasião. No entanto, o conjunto orientado por João Pedro Sousa viria a ser penalizado pelo desacerto na finalização. Embora pouco ou nada tenham feito para o merecer na segunda parte, os anfitriões voltaram a fazer mexer com o marcador. Lucas converteu um pontapé de penálti e alargou a vantagem caseira.

O FC Famalicão não desarmou e houve ameaça de redução da desvantagem. Já depois do remate de Diogo Gonçalves ter embatido no poste, o guarda-redes Ricardo Ferreira impediu o golo de Anderson. A baliza seria apenas inviolada em período de compensação, com Fábio Martins a fazer mais um golo na Liga NOS, que se revelou insuficiente para o FC Famalicão trazer pontos do Algarve.

Portimonense SC 2-1 FC Famalicão
Portimão Estádio
Árbitro: Iancu Vasilica (AF Vila Real)

Portimonense SC – Ricardo Ferreira, Anzai, Lucas, Jadson, Fernando, Henrique, Pedro Sá, Dener (Paulinho 65′), Lucas Fernandes (Rômulo 88′), Jackson Martínez e Aylton Boa Morte (Anderson 83′)

FC Famalicão – Rafael Defendi, Riccieli, Nehuén Pérez, Roderick Miranda, Centelles, Guga (Rúben Lameiras 74′), Uros Racic, Pedro Gonçalves, Diogo Gonçalves (Nico Schiappacasse 85′), Toni Martínez (Anderson 74′) e Fábio Martins

Golos: Dener (33′); Lucas (73′ g.p.) e Fábio Martins (90+3′)

Cartões Amarelos: Pedro Sá (50′) e Anderson (90+5′)